Crítica | Cascavel: por que faltou “molho” nessa excelente história?

Vale a pena esse terror? Leia a nossa opinião.

By

O que não falta para os amantes do terror são filmes do gênero na Netflix. Em comemoração ao mês do Halloween, diversas produções estão disponíveis no serviço de streaming. Entre eles estão Fratura (mais suspense), Eli, entre outros. Nessa premissa, entrou em cartaz no dia 25 de outubro o macabro e confuso ‘Cascavel’.

A história é a seguinte: Katrina (Carmen Ejogo) e sua filha Clara estão viajando pela estrada quando pegam um desvio para uma estrada deserta e o pneu do automóvel fura. Na hora da troca, a menina é picada por uma cobra, passando por uma grave situação de febre e desmaio. Em frente ao carro, há um trailer onde uma senhora a ajuda na cura da menina. O que parece uma boa ação, se torna um pesadelo, já que Katrina precisa pagar de uma certa forma o tratamento: matando alguém até o pôr-do-sol, senão a menina volta ao estado crítico. 

A partir daí, o suspense não para, já que a mãe começa a receber avisos para cumprir o prometido. A atriz Carmem Ejogo leva com louvor o papel nas costas, aliás, quem não faria de tudo para salvar uma filha? Isso faz com que o espectador torça pela protagonista, mesmo que seja para tirar a vida de alguém.

Os cerca de 80 minutos é suficiente para nos fixar na ação, deixando de lado a tradicional barriga de alguns produtos do gênero. A cenografia de ‘Cascavel’ ajuda a tensionar o ambiente. Uma cidade pacata com poucos moradores, estradas sem fim, e personagens típicos do local – como um casal em que o homem machista ameaça violentamente a esposa. 

Alguns pontos negativos marcam ‘Cascavel’. Embora o filme seja curto, era possível contar com mais cenas de terror (se essa era a ideia), ter mais sequências assustadoras, e encerrar com um desfecho surpreendente Infelizmente, o público precisa tirar as próprias conclusões. Infelizmente, faltou um pouco de molho apimentado nesse maravilhoso enredo. 

DE OLHO NO YOUTUBE DO OC!

Confira o nosso papo com Claudio Lins sobre televisão. Acesse e siga o nosso canal.

 

Siga o Opinião Cult nas redes sociais:

FACEBOOK: opiniaocult
INSTAGRAM: @opiniaocult
YOUTUBE: Opinião Cult
 

Assine nossa Newsletter!

Conteúdos exclusivos. Você recebe antes dos demais. 

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

You may also like

Hot News